Blog especializado em notícias policiais em Piracicaba e região

Morte esclarecida: pai e filho têm prisão decretada a pedido de delegada da DIG; camionete foi apreendida

Já estão presos, temporariamente, pai e filho, acusados de ter matado Arine Adriana Sampaio e jogado o corpo na Estrada do Horto Florestal, na área rural de Piracicaba.

A vítima foi encontrada no dia 26 do mês passado, com sangramento na cabeça. G.C.B., 59 anos, e seu filho J.C.B., 36 anos, foram presos hoje na área central de Piracicaba por policiais civis da DIG (Delegacia de Investigações Gerais), chefiados pela delegada Juliana Pereira Ricci.

Inclusive, a equipe apreendeu a camionete – uma S-10 -, usada para transportar o corpo até o local da desova. Segundo um policial há marcas na carroceria que podem ser de sangue.

O pai confessou, mas o filho nega. Porém, ele (o pai), de acordo com a polícia, aponta o filho como autor também.

O homem disse que no dia do crime ele, a vítima e o filho foram para a chácara deles, em São Pedro, fazer uso de entorpecentes. diz o pai que houve uma discussão e Arine o agrediu, além de ameaçá-lo.

Disse ainda que a mulher falou que seu companheiro era integrante de facção criminosa, momento em que ele (o pai) revidou e teve ajuda do filho.

Contou também que os dois decidiram matá-la e assim o fizeram usando um martelo. Depois, vieram para Piracicaba se desfazer do corpo.

O ESCLARECIMENTO

Semana passada, a DIG divulgou – até mesmo neste site – foto de Arine, solicitando que as pessoas dessem informações que levassem ao esclarecimento do crime.

Foi então que chegou uma informação para a equipe, que conseguiu esclarecer o crime.

Terminado o prazo da prisão temporária, a delegada poderá pedir prorrogação ou representar pela preventiva.

 

Fotos: Polícia Civil/ Divulgação

redação

Deixe seu Comentário

Online

contador de visitantes

Hospedado por ServerPro